Você sabia que é possível mudar uma árvore de lugar e ainda manter ela viva? O nome dessa prática é transplante de árvores, e esse transplante pode ser feito até em árvores adultas!

A população vem crescendo cada vez mais, e com isso, muitas vezes é necessário a ampliação de áreas urbanas nas áreas consideradas verdes.

Porém, essa mudança de cenário provoca o desmatamento, e com ele, vários problemas ambientais importantes vão surgindo com o passar do tempo.

Para evitar o corte de todas essas árvores da área verde, adota-se a ideia do transplante de árvores, assim, as árvores continuam vivas e preservadas, porém, em um outro local.

Quer saber mais sobre os passos para transplantar árvores? Continue a leitura até o final e entenda como esse processo é feito!

 

O que é o transplante de árvores?

Antes de falarmos sobre os passos para o transplante de árvores, vamos entender mais sobre o que é esse processo.

Como vimos mais acima, transplantar uma árvore, significa retirá-la de seu lugar de origem, ou seja, removê-la do local em que ela nasceu, e colocá-la em uma outra área sem precisar cortar seu tronco.

Esse processo pode até parecer simples, mas para que ele seja bem feito, é necessário muito cuidado. Qualquer erro pode fazer com que a árvore morre no meio do processo, ou fique muito danificada.

Sendo assim, para que o processo seja feito com todo esse cuidado, é necessário que pessoas especializadas e habilitadas façam esse transplante.

Esse procedimento, para que tenha sucesso, é preciso ser planejado com meses de antecedência, o que facilita as raízes terem uma melhor adaptação.

Importância do transplante de árvores

Como já vimos, a maior causa para o transplante de árvores é a urbanização, ou seja, é uma causa inevitável, visto que a população mundial cresce a cada ano.

O transplante de árvores é uma alternativa ao desmatamento, e por isso essa prática se faz tão importante.

As árvores têm grande importância para o ecossistema, para o meio ambiente e principalmente, pela qualidade de vida dos seres vivos.

Quanto mais evitarmos o desmatamento, melhor não só para a população local, mas para todo o planeta.

Passos para o transplante de árvores

Finalmente chegamos nos passos para o transplante de árvores. Seguir os passos e as técnicas corretas são muito importante para que não haja nenhum erro e não prejudique a árvore.

Veja abaixo os passos para o transplante:

  • Cavar um círculo ao redor da árvore, com mais ou menos 6 vezes mais da medida do diâmetro do tronco. Isso é feito meses antes do transplante. A cavidade deve ser em torno de 60 cm.
  • Com os arredores da árvore já cavados, as raízes serão cortadas com um serrote específico para poda, e é jogado bastante adubo na valeta, além de terra úmida e regar em dias alternados.
  • Seis meses depois, raízes novas irão começar a surgir, e assim, o transplante de árvores já pode ser feito. Embale as raízes em um saco de juta.
  • Com ajuda de cabos de aço, é preciso envolver as raízes para que sejam puxadas pelo guindaste.
  • Levar a árvore com ajuda de um caminhão específico. O solo novo deve ser bem fofinho, irrigado e com bastante adubo.
  • É importante que a árvore seja plantada na mesma posição em que ela foi removida para que as raízes possam se adaptar com mais facilidade.

Conclusão

Como vimos, as árvores têm um papel fundamental para a vida na Terra, sendo assim, é preciso ações para preservá-las o máximo possível para que tenhamos qualidade de vida.

O transplante de árvores é uma alternativa inteligente para a preservação do meio ambiente. Sendo assim, quando for necessário, não corte, transplante.

 

Conte com a Flora Raízes